terça-feira, 19 de janeiro de 2010

#3 As escolhas nossas de todos os dias

[sim hj sobrou tempo e eu vou postar de novo!]

Esse final de semana numa conversa daquelas ao vento com a senhora minha irmã [Rachs] e meu querido pai [Simonton], a Rah solta a seguinte: “Ainda bem que a gente não pode escolher senão a gente ia ser muito limitado”.

E por mais que isso soe totalmente “anti livre arbítrio” é uma verdade muito doida. Segue o raciocínio [como diria um amigo meu hehe]: normalmente a gente quer o que? Fazer o que a gente gosta, o que não vai contra nossas teorias, sabores favoritos, etc. Não é verdade? E dai, de repente você se depara com uma vida que só tem coisas que agradam o seu gosto, suas sandices, suas verdades. Que triste.

Acho que precisamos viver a escolher sermos mais abertos pro diferente. E, sim as vezes diferente é vir numa igreja domingo a noite ouvir um cara tipo pr Silas Malafaia por mais que você não goste, ou sair pra atender uma pessoa numa cafeteria, ou ligar pra aquela pessoa super chata que você não agüenta só porque a Bíblia manda a gente amar e andar as próximas milhas todas e por ai vai.

Um dia desse alguém pos uma frase muito boa no Twitter [também é cultura, viu?] e a frase ia mais ou menos nessa linha: não só as escolhas e decisões que fazemos mas as que deixamos de fazer também influenciam em muito nossa história.

Então eu naquele momento de digestão da frase da Rah também dei graças a Deus por algumas vezes não poder escolher ir ou não ir, dar Oi ou não dar Oi [...] agradeci pelas vezes que mesmo obrigada tive que ouvir sandices gospeis, músicas mal entoadas, discursos sem muito sentido... mas no final aprendi a viver na diversidade, e ver que mesmo a pesar de tudo Deus continua sendo Deus, reinando absoluto controlando a história que Ele mesmo escreveu.

Fica aí a dica, antes de escolher/decidir pense se essa sua escolha/decisão vai te tirar da área de conforto e fazer crescer em áreas que jamais imaginou. Sim crescer dói, mas vale a pena!

Live big.

xo

Deh.

4 comentários:

  1. flipping heck chick! vc ta mandando ver eim... as verdades, conflitos e perguntas que vivemos diariamente, refletidos 'in light of eternity'...
    thanks for the challenge!! love ya, xx

    ResponderExcluir
  2. muito verdadeeee!!!
    e é muito bom saber que estou perto de pessoas assim aprendendo com elas, a ser super mega mais "EU" e enfrentar TUDO, pelo que meu potencial tem a me dar... e só assim a gente cresce... e doi!!!

    ResponderExcluir
  3. Kamila Du Valle

    HAHAHA

    ResponderExcluir
  4. Ontem eu tava pensando nisso. Uma dorzinha no peito por algumas decisões, algumas coisas que deixei pra trás. Mas daí comecei a ver tantas coisas boas que essas oportunidades que desperdicei me trouxeram. Fiquei feliz, são coisas que eu não ia gostar de perder.

    Adorei seu blog.
    Xero

    ResponderExcluir